Sexualidade, bem estar e estilo de vida.

A sexualidade é um dos aspectos da vida do ser humano que o acompanha durante toda a sua existência e está presente na história da humanidade desde os primórdios da civilização.


Bem diferente do que permeia o imaginário popular, a sexualidade vai muito além do sexo e do genital, pois existem múltiplos fatores psíquicos nela envolvidos abrangendo desde a relação sexual, o erotismo, o prazer, o afeto, a orientação sexual e a reprodução.


A sexualidade se expressa por meio de pensamentos, fantasias, desejos, comportamentos e relacionamentos, e é influenciada por fatores biológicos, psicológicos, sociais, econômicos, políticos, culturais, éticos, legais, históricos e religiosos.

A sexualidade é tão importante que em 2006 a OMS (Organização Mundial de Saúde) definiu o que denominamos de saúde sexual:

“um estado de bem-estar físico, emocional, mental e social relacionado com a sexualidade; e não meramente a ausência de doença, disfunção ou enfermidade”.

Esse bem estar sexual está diretamente relacionado ao bem-estar global e à satisfação do indivíduo com a sua vida como um todo. Isso reforça a ideia de que o investimento na promoção da saúde sexual e no bem-estar sexual é de extrema importância para a qualidade de vida das pessoas.

As pessoas que são mais satisfeitas com a qualidade da sua vida sexual geralmente apresentam melhores níveis de saúde física e de saúde mental, ou seja, existe uma via de mão-dupla entre a sexualidade e a qualidade de vida, portanto promover a saúde física e mental passa também em grande medida por promover a saúde e bem-estar sexuais.

Segundo Freud,


“se o ser humano negligenciar a sua sexualidade, ele jamais se sentirá um ser completo”.

Devemos enxergar o sexo como uma fonte de prazer e não de culpa ou de problemas, logo devemos investir na qualidade e melhoria da vida sexual e isso vai apresentar um reflexo direto na qualidade de vida e nos níveis de felicidade e satisfação física e emocional.

Mas como o sexo pode beneficiar o meu corpo?

O sexo pode ser uma boa atividade cardiovascular. Embora não considerado um exercício fisico por si só, ele pode ser considerado uma atividade física de leve a moderada intensidade. Sendo assim, ele contribui para:

  • redução da pressão arterial

  • queima de calorias

  • aumento da saúde cardíaca

  • redução da pressão arterial

  • fortalecimento muscular

  • melhora da imunidade

  • aumento da libido

  • ajuda no controle de dores crônicas

O sexo também pode melhorar o humor, os relacionamentos e o bem-estar mental, melhora a qualidade do sono, reduz o estresse e a ansiedade.

Pessoas com vida sexual ativa tendem a se exercitar com mais frequência e a ter melhores hábitos alimentares do que aquelas com menos atividade sexual.

Para as mulheres


Os benefícios do sexo para a saúde física das mulheres inclui: melhora no controle da bexiga, redução da incontinência, alívio das cólicas menstruais e pré-menstruais, melhora da fertilidade, fortalecimento da musculatura pélvica, melhora na lubrificação vaginal, proteção contra endometriose, aumento de autoestima.


Para os homens


Para os homens, além de todos os benefícios já citados anteriormente, um estudo de 2004 concluiu que os homens que ejacularam com mais frequência tiveram menor risco de câncer de próstata em comparação com aqueles que ejacularam com menor frequência, portanto o sexo atua na redução de risco de desenvolvimento de câncer de próstata.


Sexo é bem-estar!


Valorizar a expressão da sexualidade como um elemento primordial para o bem-estar e qualidade de vida é essencial para todos e embora ainda seja difícil de separar o que é causa e o que é efeito, a conclusão geral é que ter uma boa saúde sexual é um indicador de extrema importância da própria saúde global dos indivíduos. A ajuda de uma equipe multiprofissional vem para auxiliar nesse caminho que pode trazer leveza e muito prazer a todas as pessoas.




A Dra. Thaís França de Araújo (CRM: 55890/RQE:36540) é ginecologista e terapêuta sexual, atende na Clínica Pleni em Uberlândia-MG. Siga no instagram: @drathaisfranca


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo